terça-feira, junho 30, 2009

estórias da colónia

é simples aos 3 anos dar lições de humildade... mesmo sem o perceber, especialmente porque não se percebe.
depois do jantar, um jantar com visitas fomos descobrir o espaço envolvente, conversar trocar afectos. estávamos no páteo a comer pinhões o processo era encontrá-los, reunir, parti-los e come-los. o A era o mais pequeno, estava a ambientar-se, logo os restantes tinham enorme cuidado com ele, perguntei-lhe se queria fazer uma cambalhota, achou que não era altura, imagino que se tenha perguntado como é que isso podia ser feito ali naquele chão de terra batida, outro mais ousado disse que gostaria de experimentar e exemplifiquei, mais seguro A. venceu o receio e aventurou-se, depois começou o processo da procura de pinhões e lá fomos umas 6 crianças (entre 3 e 10 anos) e eu, enquanto isso uma delas perguntou quem é este novo menino, respondi "é filho do Dr. X e da Drª Y", A. ouviu a minha resposta e quando me calei oulhou-me e disse rebatendo a minha apresentação "sou filho do meu pai e da minha mãe", sorri e encaixei!

Sem comentários: