terça-feira, junho 29, 2010

se não sabe porque é que pergunta?

... foi o primeiro livro do joão dos santos que li, pelo titulo achei piada, longe estava eu de saber o que ia aprender com este senhor, com quem trabalhou com ele e o que eu fui aprendendo no que respeita a sentimentos por perguntar!
as perguntas em si não são certas nem erradas, mas põe-nos a pensar nas coisas... podemos até ficar na mesma mas pelo menos pensámos sobre isso!
às vezes, perguntamos só para ter a certeza do que já sabemos ou do que sentimos, para nos (re)assegurarmos que é mesmo isto... mas, em última análise a decisão é, única e exclusivamente, nossa, pessoal e intransmissível...

Sem comentários: